A virgindade de Maria, ela realmente foi virgem para sempre

A Paz de Cristo.

Vou falar de um tema muito polêmico: a virgindade de Maria. Ela foi sempre virgem ou não? Temos três pontos de análise: Escritura Sagrada, medicina e se ela foi fiel ao seu marido.

1 – Escritura Sagrada

Em 1287 d.C., foi proibida a leitura da Escritura Sagrada aos leigos (povo) pelo Conselho do Vaticano. Isso contraria a ordem de Jesus de que ela seja lida por todos. Vejamos:

João 5:39 diz: “Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam” Bíblia CNBB (pr.gonet.biz/biblia.php)

II Timóteo 3:15: “Desde criança conheces as Escrituras Sagradas. Elas têm o poder de te comunicar a sabedoria que conduz à salvação pela fé no Cristo Jesus. 16 – Toda Escritura é inspirada por Deus e é útil para ensinar, para argumentar, para corrigir, para educar conforme a justiça. 17 – Assim, a pessoa que é de Deus estará capacitada e bem preparada para toda boa obra.” Bíblia CNBB (pr.gonet.biz/biblia.php)

A Igreja Católica Apostólica Romana (ICAR), ao proibir a leitura, está contradizendo a ordem de Jesus.  Por isso os católicos não leem a Escritura Sagrada e são enganados com falsas doutrinas. Outra alerta que deixo para você, católico, está em Isaías 8:20: “Olhai então a instrução, olhai o documento! E se o que disserem não estiver de acordo com o que aí está, para eles não haverá mais amanhecer!” Bíblia CNBB  (pr.gonet.biz/biblia.php). Tudo que a ICAR fala tem que estar na Escritura Sagrada, caso contrário não é verdade. Apocalipse 22 diz: “18 – Para todo o que ouve as palavras da profecia deste livro vai aqui o meu testemunho: se alguém lhe acrescentar qualquer coisa, Deus lhe acrescentará as pragas que estão aqui descritas. 19 – E se alguém retirar algo das palavras do livro desta profecia, Deus lhe retirará a sua parte da árvore da vida e da Cidade Santa, que se encontram descritas neste livro”. Aqui diz que não podemos tirar ou acrescentar alguma coisa da Escritura Sagrada, fazendo isso teremos consequências.

Já deixei estes alertas para você acima. Vamos a alguns versículos que relatam que Maria teve mais filhos, provando que ela não foi virgem para sempre. Apesar de a ICAR negar, a Escritura Sagrada nos mostra que não foi. Vejamos:

Mateus 1: 25 diz: “E não teve relações com ela até o dia em que deu à luz o filho, ao qual ele pôs o nome de Jesus.” Bíblia CNBB  (pr.gonet.biz/biblia.php). Aqui afirma que José não teve relações (mais de uma) ATÉ o parto de Jesus.

Gálatas 1 diz: “19 – Não me encontrei com nenhum outro apóstolo, a não ser com Tiago, o irmão do Senhor. 20 – Escrevendo estas coisas, afirmo diante de Deus que não estou mentindo.” Bíblia CNBB  (pr.gonet.biz/biblia.php). O versículo 19 diz “irmão do Senhor”. A quem a Escritura Sagrada se refere como “Senhor” a não ser Jesus? No versículo 20, Paulo afirma que não está mentindo e fez diante de Deus.

Lucas 2:7: “E deu à luz seu filho primogênito, e, envolvendo-o em faixas, reclinou-o num presépio, porque não havia lugar para eles na hospedaria.” Bíblia Ave Maria (pr.gonet.biz/biblia.php). Neste versículo, o destaque é a palavra “primogênito”, mas o que isso significa? Vamos ao dicionário para nos orientar e não termos dúvida.

“Aquele que é o primeiro filho do casal; o filho mais velho: qual a idade do seu primogênito?”

“Que é o primeiro filho em relação aos irmãos”.

“É o termo utilizado para designar o primeiro filho de um casal, também conhecido como o filho mais velho, em relação aos seus irmãos consanguíneos”. ( dicio.com.br/primogenito/)

A Escritura Sagrada em Lucas 2:7 diz que Maria teve mais filhos. Ela não continuou virgem depois do nascimento de Jesus até a sua morte. Se a ICAR afirma isso, ela diz claramente que Maria pecou. Vou relatar mais abaixo sobre isso.

2 – Pela medicina

Para não ser considerada virgem, a mulher tem que ter hímen rompido, certo? A medicina diz que “existem hímens complacentes, que são bem elásticos e podem não se romper logo na primeira relação. Outros podem ter uma anatomia que permite a passagem do pênis e só irão se romper depois de algum tempo. O hímen é uma membrana bem fina localizada na entrada da vagina e que geralmente se rompe na primeira relação sexual”. (medicoresponde.com.br/tag/virgem/ )

“Algumas mulheres têm muita elasticidade no hímen, a ponto de ele voltar ao normal depois do ato sexual sem que ocorra a ruptura da membrana himenal, nem sangramento. Essa condição é chamada de hímen complacente”, explica Jorge Naufal, médico ginecologista pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Hímen complacente pode romper? Pode, porém, esse rompimento ocorre apenas quando a mulher engravida e se submete ao parto normal. Isso porque a pressão da cabeça do bebê é bem maior do que a do pênis na relação sexual”, diz o médico Jorge Naufal. (uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2018/03/18/maria-dois-filhos-e-virgem-pode-isso-sim-e-ocorre-com-20-das-mulheres.htm?cmpid=copiaecola)

A medicina deixa claro que Maria deixou de ser virgem quando Jesus nasceu, certo?

3 – Ela foi fiel ao seu marido quanto à relação sexual?

Creio que Maria, sendo uma mulher como foi, escolhida por Deus entre tantas para trazer ao mundo o Seu Filho, depois do nascimento de Jesus não teria relação íntima com José? Já mostrei acima que de acordo Escritura Sagrada ela teve mais filhos. Caso você, católico, continue dizendo que ela foi virgem, porque a ICAR diz, veja o que está em I Coríntios 7: “ 4 – Não é a mulher que dispõe de seu corpo, mas o seu marido. Do mesmo modo, não é o marido que dispõe de seu corpo, mas a sua mulher. 5 – Não vos recuseis um ao outro, a não ser de comum acordo e por algum tempo, para vos entregardes à oração. Voltai depois à convivência normal, para que Satanás não vos tente, por vossa falta de domínio próprio”. Bíblia CNBB  (pr.gonet.biz/biblia.php)

Aqui mostra que ela não pôde negar o ato sexual ao seu marido. Caso ela fez isso, ela PECOU, certo? A Escritura Sagrada relata isso no versículo 4 e 5 de I Coríntios 7, você não pode  negar o ato sexual ao seu companheiro.

Concluindo: Maria foi uma mulher exemplar, tenho certeza disso, só não posso adorá-la. Como ela foi uma pessoa obediente a Deus, tenho certeza de que ela cumpriu o seu papel de uma mulher casada com seu marido. Agora deixo uma pergunta para você, católico, baseado em tudo que relatei acima usando a Escritura Sagrada e a medicina. Maria foi virgem a vida toda ou ela pecou contra seu marido e Deus? Se ela pecou, não foi pura como diz a ICAR. Peço sempre a Deus para que Ele possa abrir os olhos e ouvidos espirituais das pessoas que estão sendo enganadas pela ICAR. Um forte abraço no coração de cada um, em nome de Jesus.

Por Roberto Wagner

Inspirado pelo Espírito Santo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress spam blocked by CleanTalk.